15ª Festanima encerra com espetacular fogo de artifício

Após dez dias de muita animação, música, bailes, petiscos e convívio, a 15ª Festanima chegou ao fim, na noite de 16 de julho, com largas centenas de pessoas a encherem as Escarpas de Santos Nicolau para assistir ao concerto de Mónica Sintra e ao espetáculo de fogo de artifício.

“É festa, é festa, é festa, Festanima, festa anima o verão/ É festa, Festanima, festa é animação”! É este o refrão orelhudo do hino da Festanima que entoou momentos antes da largada de foguetes, anunciando o tão aguardado espetáculo de fogo de artifício que pintou o céu pela meia-noite, encerrando a 15ª edição do certame popular.

Os ânimos estavam ao rubro após a atuação de Mónica Sintra, que trouxe consigo duas jovens bailarinas, e que antecedeu os discursos das entidades e o emocionante espetáculo de fogo de artifício.
“Esta festa tem 15 anos e, embora tenha começado com menos fulgor, hoje temos uma festa extraordinária, a única festa do concelho construída pelo movimento associativo para o povo do concelho de Setúbal”, manifestou o presidente da Junta de Freguesia de S. Sebastião (JFSS) que, em conjunto com a Câmara Municipal de Setúbal, apoia a Festanima, investindo em melhores condições para a sua realização.

“Investimos ao longo do tempo em mesas, cadeiras, vedações, baias, mas só hoje a Festanima se tornou verdadeiramente autónoma com a colocação de esgotos, água canalizada, e a aquisição de algo indispensável para o funcionamento da festa: o palco, comprado pela Junta de Freguesia e que está a cem por cento disponível para esta festa”, revelou Nuno Costa, no discurso de encerramento. A par destes investimentos, a JFSS aumentou também a comparticipação financeira à festa, desde o início do mandato.

O autarca aproveitou ainda para agradecer à Associação de Festas Populares de S. Sebastião, responsável pela organização do evento, e particularmente à presidente Madalena Lopes, para quem pediu uma “mais que merecida” salva de palmas pelo seu “esforço incansável para montar a festa todos os anos”. Os agradecimentos estenderam-se aos dirigentes associativos das coletividades participantes no certame, elogiando a sua “boa disposição, energia e vontade de construir uma festa cada vez melhor”.

Por seu lado, Madalena Lopes e Vera Godinho, tesoureira da comissão de festas, agradeceram o contributo de todos para o sucesso do evento, mas principalmente aos milhares de pessoas que encheram a avenida Belo Horizonte e que, com a sua presença, contribuíram para ajudar as coletividades participantes que exploraram as dez tasquinhas gastronómicas do recinto.