Freguesia de S. Sebastião festeja 465º aniversário

Mais de 600 pessoas assistiram à cerimónia comemorativa dos 465 anos da Freguesia de Bocage, que se realizou no passado domingo, no Fórum Municipal Luísa Todi, com animação musical, teatro, homenagens e intervenções de autarcas.

Frente a uma sala de espetáculos lotada, o presidente da Junta de Freguesia sublinhou que, para além do trabalho que tem vindo a desenvolver desde o passado mandato e que “constitui a matriz identitária deste projeto autárquico”, o atual executivo pretende, nos próximos quatro anos, aprofundar “a nossa democracia local com o reforço dos mecanismos de participação e organização populares”. Para Nuno Costa “a forma mais eficaz de cumprir o nosso maior desiderato constitucional – a persecução dos interesses das populações - é dando-lhes poder”, inerente à participação, mas também à decisão.

Destacando o desenvolvimento da cidade de Setúbal nos últimos anos, em várias vertentes, “impulsionado, sobretudo, pelo município”, o presidente da JFSS revela ainda o intuito de contribuir para potenciar uma dessas vertentes: o turismo. Tal objetivo pode ser alcançado através, por exemplo, da cooperação com o município na semana do pescador, com um festival de caldeiradas, da realização de uma feira do chocolate e da laranja ou do desenvolvimento de um pastel de São Sebastião com pasteleiros locais.

Por seu lado, o vice-presidente da Câmara Municipal, Manuel Pisco, salientou que “o ritmo da atividade dos eleitos que trabalham para a melhoria das condições de vida da população, conjuntamente com a Câmara Municipal, é um ritmo forte, e é por este trabalho e por esta identidade da população que dá vida a esta freguesia, que dou os parabéns à Junta, ao seu presidente, aos seus eleitos e a toda a sua população”.

Durante a cerimónia foram atribuídas quatro medalhas honoríficas da freguesia a instituições e individualidades que têm contribuído para “tornar São Sebastião numa freguesia mais inclusiva, solidária e humanizada”. Os homenageados foram a LATI – Liga dos Amigos da Terceira Idade e a Comissão de Festas de Nossa Senhora do Rosário de Troia, distinguidas com Medalhas de Honra. Ao Núcleo Bicross de Setúbal e ao atleta Ângelo Pais foram entregues Medalhas de Mérito.

O espetáculo, que teve início pelas 15 horas, arrancou com a batida ritmada do grupo de percussão Afro-Axé Sant'Iago Olodum composto por 30 jovens alunos de escolas do concelho, coordenados pelos professores António Brasinha e Rosa Nunes.

Seguiram-se as vozes afinadas de dois grupos seniores de cantares que demonstraram que o talento não tem idade: o Grupo de Cantares Populares de São Sebastião, dirigido pelo maestro Ricardo Batista e o Grupo Coral “De mãos dadas” do projeto de Acácio Veiga, dirigido pelo maestro Vítor Lourenço.