Atletas do Clube Patinagem do Sado apurados para Europeu

Cerca de trinta atletas do Clube Patinagem do Sado participaram, pelo 12º ano consecutivo, no Campeonato Nacional de Show e Precisão, tendo sido apurados para o Campeonato Europeu de Show e Precisão que decorre em Espanha entre os dias 26 e 28 de abril.

Após terem realizado uma brilhante exibição em Fafe, nos dias 17 e 18 de março, o Clube de Patinagem do Sado classificou-se em 3º lugar nas modalidades de Quartetos, com esquema “Messing around” e de Grupos grandes, com a apresentação “Let the show begin”, garantindo assim presença no Campeonato Europeu de Show e Precisão.

O Clube Patinagem do Sado felicita os atletas e equipa técnica, que “com o empenho, trabalho, dedicação e persistência que já os caracterizam, conseguiram mais uma vez o apuramento”. O clube dirige ainda um agradecimento especial aos pais que, “com todo o seu apoio financeiro e logístico, conseguiram que fosse possível tão importante vitória”.

As expectativas para o Campeonato Europeu “são boas”, refere a dirigente, salientando que as atletas, com idades entre os 12 e os 24 anos, “estão empenhadíssimas em mostrar o trabalho que desenvolveram. Elas trabalham imenso e têm tido boas classificações”, além disso, “os comentários do júri do Campeonato Nacional foram positivos e valorizaram muito a exibição”.

Ainda assim, a responsável aponta a existência de obstáculos que complicam uma aproximação ao nível de patinagem praticado internacionalmente. “Esta modalidade desportiva requer um treino muito assíduo”, indica. Algo que nem sempre se consegue, dado que o clube não tem um espaço próprio treinar. Os atletas ensaiam no Pavilhão Municipal das Manteigadas, cedido pela Câmara Municipal, no entanto, este é um espaço “muito requisitado” e “existe alguma dificuldade de ajuste de horários, principalmente para os atletas mais velhos que estudam fora da cidade”, explica Dulce Teodoro.

Para a próxima etapa, a associação desportiva está a solicitar apoios às entidades públicas e privadas. “Era importante que houvesse uma ajuda para minimizar o peso das despesas com alimentação, transporte e estadia” que as participações em competições internacionais implicam, manifesta Dulce Teodoro, da direção do clube. “Nós tratamos de toda a logística e tentamos suportar alguns custos, mas a maioria é suportada pelos pais dos atletas”, indica.

Além do apoio da Câmara Municipal na cedência de espaço e do apoio financeiro da Secil, o clube conta com o apoio (logístico, cedência de materiais e outros), sempre que requisitado, das Juntas de Freguesia de São Sebastião e do Sado.

Criado a 1 de julho de 2004, o Clube Patinagem do Sado é uma associação desportiva sem fins lucrativos, que tem por objetivo promover e desenvolver a prática da patinagem artística. Tem fundamentalmente um carácter desportivo e de formação de atletas, prática da patinagem artística e organização de eventos a ela referentes.