Novo Executivo quer continuar trabalho de proximidade com a população

Continuar a apostar na qualificação do espaço público e do parque escolar, na acessibilidade e mobilidade, na ocupação dos seniores e crianças da Freguesia e no investimento na cultura e desporto são algumas das prioridades do novo Executivo da Junta de Freguesia de São Sebastião para o mandato que agora se inicia.

Os objetivos foram enumerados pelo Presidente reeleito, Nuno Costa, durante a cerimónia de tomada de posse dos Órgãos da Freguesia resultantes das Eleições Autárquicas de 1 de outubro, que se realizou no sábado, no Auditório da Escola Secundária D. João II, com casa cheia (cerca de duas centenas e meia de pessoas).

Nuno Costa reforçou também a aposta no novo Executivo em “continuar a apoiar o movimento associativo e as nossas festas populares”. Ao mesmo tempo, referiu, os eleitos querem “continuar a colaborar em todos os projetos municipais que visam a organização e participação populares”, até porque um dos objetivos para este mandato é aprofundar “os mecanismos de participação popular”.

Ainda no que respeita ao trabalho em parceria com o Município de Setúbal, Nuno Costa destacou as vantagens que tem trazido à população da Freguesia a descentralização de competências da Câmara para a Junta. “Estaremos, naturalmente, disponíveis para aprofundar e desenvolver esses instrumentos”, declarou.

O Presidente deixou ainda à população a garantia de que pode contar com a sua Junta de Freguesia para continuar a lutar ao seu lado por “transportes públicos de qualidade e adaptados às necessidades da população, pelo direito à saúde, por uma educação pública, gratuita e de qualidade, pela água como bem público e inalienável”, ou ainda “ pela não privatização do serviço de tratamento de resíduos”.

Nuno Costa vê a maioria absoluta obtida pela CDU nas eleições de 1 de outubro como “um resultado muito positivo”, o qual “garante a estabilidade da governação na Freguesia”, mas encara este resultado “com grande responsabilidade e humildade”. “Nas urnas, no passado dia 1, os setubalenses e os são sebastianenses o que quiseram manifestar de forma clara e inequívoca é que estavam e estão satisfeitos com o caminho seguido nos últimos tempos, que tem levado a nossa cidade ao desenvolvimento que está à vista de todos”, reconheceu.

A cerimónia reuniu os novos autarcas e aqueles que agora cessam funções, funcionários da Junta de São Sebastião, autarcas do Município e das restantes juntas de freguesia do concelho, representantes de instituições e associações da Freguesia, população e outros. A todos eles, Nuno Costa deixou o seu agradecimento e por todos foi aplaudido de pé.

Uma das pessoas a quem Nuno Costa agradeceu especificamente foi ao Presidente da Mesa da Assembleia de Freguesia cessante, António Batista, que retribuiu com a certeza de que “o Executivo vai dar o seu melhor e todos vão contribuir para melhorar as vidas das pessoas e tornar a freguesia ainda maior”.

Da parte das restantes forças políticas representadas na Assembleia de Freguesia, a promessa foi de uma posição cooperante, tendo sempre como prioridade os interesses da população. “Contem com o PS para trabalhar em prol dos fregueses”, declarou o eleito Cândido Teixeira. O representante dos social-democratas garantiu que “a postura do PSD será sempre construtiva, ativa e cooperante com o Executivo e os restantes membros da Assembleia de Freguesia”. “Em tudo o que depender do BE, estaremos cá para trabalhar em conjunto”, assegurou também o eleito Francisco Sousa.

Para além do Presidente, Nuno Costa, o Executivo da Junta é também composto pelos Vogais Maria José Oliveira, Carlos Ricardo, Isabel Quadros, João Batista, Ana Sofia Ferreira e Jerónimo Conceição, da CDU.

A Mesa da Assembleia de Freguesia é presidida por João Pires, tem como 1.ª Secretária Natividade Moutinho e como 2.ª Secretária Rosalina Cova, da CDU. Os restantes membros são, também pela CDU, António Pós de Mina, Natacha Costa, José Catarino, Idalina Reis, Mário Gomes, Sofia Prazeres, Ricardo Iria, Maria Manuela Mendes, Diogo Sousa e Ricardo Gonçalves; pelo PS, Cândido Teixeira, Vasco Gonçalves, Ana Isabel Negrão, Paulo Lourenço e António Simões; pelo PSD; Paulo Pisco e Armando Serra; e pelo BE, Francisco Sousa.

A par da vertente mais formal, a cerimónia contou também, logo no início, com quatro momentos culturais: as atuações da Real Trovantuna de Setúbal – Tuna Feminina da Escola Superior de Ciências Empresarias de Setúbal, da fadista Inês Pereira, acompanhada à guitarra portuguesa por Manuel Carlos e à viola de fado por Carlos Pinto, dos campeões nacionais de Danças Clássicas André Viana e Daniela Nova, e da jovem Mafalda Louro, voz revelação da cidade de Setúbal.