Jardim inclusivo nasce nas Escarpas de Santos Nicolau

O Jardim Multissensorial das Energias, fruto da requalificação do antigo Jardim Camilo Castelo Branco, mais conhecido como das Escarpas de Santos Nicolau, constitui muito mais do que uma nova zona de lazer na freguesia. Trata-se de um espaço lúdico e pedagógico, acessível a pessoas portadoras de multideficiência, o que o torna num local verdadeiramente inclusivo.

O novo equipamento, inaugurado a 5 de junho, Dia Mundial do Ambiente, inclui um percurso interpretativo com equipamentos e painéis informativos que procuram despertar consciências para a importância das energias ambientalmente sustentáveis. Através dos contrastes de cor, dos diferentes aromas, das texturas e dos sons, este espaço expositivo estimula os sentidos e proporciona uma viagem interativa pelas diferentes energias renováveis, apresentadas em seis estações dinâmicas: biomassa, geotermia, oceânica, solar, hídrica e eólica.

Na inauguração da obra, a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, autarquia responsável pelo projeto, em parceria com a ENA – Agência de Energia da Arrábida, destacou a característica pedagógica do jardim que considerou ser “uma ferramenta única em Portugal, na formação e sensibilização para as questões das energias renováveis e utilização racional da energia” que constitui mais um “recurso a ser utilizado pela nossa comunidade educativa e pela nossa população escolar”.

Concebido para ser acessível a todos, este jardim inclusivo conta com caminhos pedonais renovados, mais mobiliário urbano, mais iluminação, e um conjunto de equipamentos de apoio ao jardim, como sanitários adaptados e zonas de descanso. De referir ainda que este projeto pioneiro materializa um investimento de cerca de 276 mil euros, cofinanciado a 50 por cento por fundos comunitários, no âmbito do programa Portugal 2020.

Durante a inauguração, na qual estiveram presentes representantes de diversas entidades do concelho, autarcas e munícipes, atuaram o grupo de percussão Afro-Axé Sant'Iago Olodum do Agrupamento de Escolas Ordem de Santiago e o grupo de percussão do Agrupamento de Escolas Luísa Todi, ambos compostos por alunos.

Clipping:
Setúbal ganha jardim Multissensorial das Energias