Nuno Costa

Caros concidadãos,

A poucos meses de completarmos o atual mandato, podemos afirmar que o nosso projeto autárquico, de acordo com a avaliação que realizámos, com base na concretização do nosso compromisso inicial, nos projetos que dinamizámos ou fomos parceiros, e na opinião dos nossos concidadãos, correspondeu às expectativas mais ambiciosas!

Além de termos cumprido os compromissos assumidos inicialmente com a população, fomos capazes de superar essas metas, estabelecendo novos e mais ambiciosos objetivos. Quer através de iniciativas próprias, quer, por exemplo, da participação em programas municipais de promoção da participação cidadã, tais como o Nosso Bairro, Nossa Cidade; Ouvir a População, Construir o Futuro; Setúbal Mais Bonita; e Ser Jardineiro por Um Dia.

No nosso mais atual boletim informativo apresentamos um balanço da atividade do executivo e prestamos contas à população no que diz respeito às principais obras e ações realizadas, tal como dita a lei das autarquias locais, provando que continuamos e continuaremos a trabalhar em prol do futuro desta freguesia.

Conseguimos, através de uma gestão orçamental criteriosa, acomodar neste mandato um conjunto de grandes obras que não estavam inicialmente previstas, no sentido de, no âmbito das nossas competências, incrementar o investimento, contribuindo para a dinamização da retoma da economia local e minorando as dificuldades sentidas pelo tecido empresarial da região, tão fragilizado devido à atual crise económico-social, causada pela pandemia.

Criámos um novo polo de atração cultural no território, o Auditório Bocage, empreendimento incluído num projeto que abrangeu a construção do Polo Operacional de Monte Belo, que nos permitiu dar melhores condições aos nossos trabalhadores e aprimorar a qualidade dos serviços prestados, e que perspetiva ainda a descentralização dos pontos de atendimento da Junta de Freguesia, com a construção de uma nova sede, mantendo a atual sede como delegação, e criando uma segunda delegação no bairro de S. Domingos. Este processo integra uma visão estratégica que materializa a nossa vontade de estar cada vez mais próximos dos nossos fregueses.

Procurando ampliar a nossa ação de proximidade, fomos pioneiros na disponibilização de um Balcão Virtual que permite a emissão remota de atestados, licenças e outros documentos; criámos uma aplicação móvel; e lançámos este ano uma nova plataforma digital de cidadania participativa: o “Eu Participo!”, uma ferramenta que facilita o reporte de anomalias detetadas no território e o envio de sugestões e opiniões, permitindo aos cidadãos acompanhar o estado atualizado das suas solicitações.

Isto, sem comprometer o atendimento presencial e todo o investimento canalizado para cumprir outras das nossas grandes prioridades, tais como a melhoria da mobilidade e da acessibilidade no território; a permanente manutenção e qualificação do parque escolar; a regeneração urbana; a modernização administrativa; a dinamização regular de atividades gratuitas de incentivo do envelhecimento ativo; a promoção de hábitos de vida saudável e a aproximação ao património natural da região. Só para citar algumas.

Estamos convictos de que fizemos um bom trabalho, mas não o fizemos sozinhos! Fizemo-lo através de um modelo de gestão autárquica baseado na participação e na inclusão dos atores institucionais e individuais das esferas social, económica, cultural, educativa, e política da comunidade local que nos têm ajudado a construir uma freguesia mais justa, sustentável, humanizada e inclusiva. A todos quantos nos ajudaram a concretizar este projeto autárquico, endereço um profundo agradecimento, por trilharem este caminho connosco, rumo a uma freguesia mais próspera, justa, inclusiva e solidária!

Nuno Costa
Presidente da Junta de Freguesia de São Sebastião